Encerram nesta quinta-feira (16) as inscrições para mais de 12 mil vagas da Educação Profissional e Tecnológica

Termina nesta quinta-feira (16) o prazo de inscrições para o processo seletivo para o preenchimento das 12.395 vagas de 45 cursos técnicos de nível médio na forma de articulação subsequente ao Ensino Médio, ofertadas pela Secretaria da Educação do Estado. Os interessados devem se inscrever, exclusivamente, no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br). A divulgação do resultado está prevista para sexta-feira (17) e a matrícula dos selecionados será no período de 28 a 30 de janeiro, na unidade escolar para a qual foi classificado. O ano letivo terá no dia 10 de fevereiro.

As vagas são destinadas aos Centros Estaduais de Educação Profissional (CEEP) e Centros Territoriais de Educação Profissional (CETEP), bem como as unidades compartilhadas na capital e em 93 municípios baianos. Podem concorrê-las estudantes que já concluíram o Ensino Médio e suas modalidades de forma gratuita – seja na rede pública de ensino ou nos âmbitos federal, estadual ou municipal – ou tenham, comprovadamente, cursado em instituição filantrópica ou em instituição privada na condição de bolsista.

Entre os cursos ofertados estão os de Técnico em Administração, Técnico em Análises Clínicas, Técnica em Edificações. Técnico em Agropecuária, Técnico em Artes Visuais, Técnico em Instrumento Musical, Técnico em Informática, Técnico em Cozinha e Técnico em Segurança do Trabalho.

Educação Profissional – A Educação Profissional e Tecnológica tem como objetivo consolidar e ampliar a oferta da modalidade em consonância com o desenvolvimento socioeconômico e ambiental dos territórios baianos, promovendo a inserção cidadã na vida social e no mundo do trabalho. Está presente na rede estadual por meio de 232 espaços, sendo 36 Centros Territoriais de Educação Profissional (CETEP), 45 Centros Estaduais de Educação Profissional (CEEP) e 151 unidades compartilhadas.

A oferta chega aos 27 Territórios de Identidade e, em 2019, beneficiou mais de 90 mil estudantes em 158 municípios baianos. Atualmente, são oferecidos 69 cursos e, ao longo do percurso formativo, os estudantes adquirem conhecimentos teóricos e práticos, além de protagonizarem intervenções sociais e desenvolverem projetos e tecnologias sociais de baixo custo e de relevância social.

Foto: Geraldo Carvalho ASCOM/SEC

Polícia Militar divulga resultado do sorteio eletrônico para CPM e creche

A Polícia Militar da Bahia divulgou, nesta segunda-feira (13), o resultado do sorteio eletrônico para admissão de alunos nas 15 unidades do Colégio da Polícia Militar (CPM) e da Creche da PM Nossa Senhora das Graças/CMEI para o ano letivo de 2020.

Confira o resultado (http://www.pm.ba.gov.br/homepmbacpmsorteio.html)

CPM no estado – A PMBA dispõe de 15 unidades do colégio em todo estado e 12.814 alunos. Além dos cinco colégios na capital (Dendezeiros, Luiz Tarquínio, Ribeira, Lobato e Cajazeiras), os CPM estão distribuídos nas cidades de Teixeira de Freitas, Alagoinhas, Ilhéus, Itabuna, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Candeias, Juazeiro, Jequié e Barreiras.

Fotos Paula Fróes
GOVBA

Professores interessados em cursar licenciaturas já podem se cadastrar na CAPES

Professores em exercício das redes públicas de ensino interessados em se especializar por meio de um curso de licenciatura na área que atuam devem cadastrar seus currículos na Plataforma CAPES de Educação Básica, até o dia 31 de janeiro (https://eb.capes.gov.br/portal/). A oportunidade é para os candidatos que ainda não têm uma graduação e, para isso, deverão preencher os formulários com dados sobre a sua formação e atuação profissional.

O processo realizado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) visa mapear, em todo o Brasil, os docentes que precisam adequar sua formação ao que foi exigido pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e identificar aqueles que têm interesse em se especializar. As informações obtidas a partir dos cadastros vão nortear o planejamento dos programas de formação inicial de professores da Educação Básica a serem implementados em 2020.

De acordo com a norma da CAPES para este processo, a manifestação de interesse dos professores e a validação pelas secretarias não garantem a oferta dos cursos. Mas a intenção é que o cadastro norteie o atendimento gradativo das demandas. Programas como o Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (PARFOR) e a Universidade Aberta do Brasil (UAB) – que fomentam cursos de licenciatura – já terão seus próximos editais direcionados pelas informações obtidas no cadastro.

A iniciativa, ainda conforme informações da CAPES, contribuirá para o alcance da Meta 15 do Plano Nacional de Educação (2014-2024), cuja meta aborda as estratégias que preveem consolidar e ampliar plataformas eletrônicas e implementar cursos e programas especiais. Tudo isso com o objetivo de assegurar a formação superior aos professores que estão em exercício, mas que possuem apenas formação de nível médio.

Assessoria de Comunicação
Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Sinal digital da TVE é inaugurado em Itabuna

O Governo do Estado inaugurou, nesta quinta-feira (9), no pátio da Prefeitura Municipal de Itabuna (313 km de Salvador), no Sul da Bahia, o sinal digital da TVE, sintonizado no canal 6.1. A iniciativa segue o projeto de expansão do sinal digital para o interior, disponibilizando acesso em alta definição a conteúdos diversificados de cultura, educação, esporte e informação, além de produções internacionais. O investimento da nova estação foi de R$ 208.899,55. A cerimônia contou com a participação do secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, e do diretor geral do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (IRDEB), Flávio Gonçalves, além de convidados e autoridades locais.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, falou da importância da disponibilização do sinal no município. “É um acordo do programa de governo do governador Rui Costa com toda a Bahia, pois nós queremos chegar aos 15 milhões de habitantes da Bahia vendo uma televisão de qualidade, que mostra as coisas da cultura e da educação, mas, acima de tudo, as coisas boas que acontecem na Bahia, além de noticiários e esporte. Outro ponto importante é mostrar a parceria que nós temos com a prefeitura municipal, com a câmara de vereadores e, neste caso aqui, com a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), além de outras instituições e, naturalmente, com os meios de comunicação daqui. E nós queremos fazer, na parceria com a universidade, cursos de formação de profissionais para que a gente possa ter, cada vez mais, gente com competência para poder nos ajudar a qualificar, ainda mais, as imagens e o conteúdo da programação da TVE”, destacou.

O diretor geral do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (IRDEB), Flávio Gonçalves, adiantou o que os itabunenses terão na grade de programação do canal. “Os moradores de Itabuna, a partir de hoje, vão se surpreender com a qualidade e a diversidade da programação da TVE. Estamos falando de conteúdo infantil, bem como para a juventude, adultos, terceira idade e para quem gosta de música, pois, hoje, a TVE é a emissora que mais transmite shows na Bahia e no Brasil. A TVE também é a emissora do futebol da Bahia, com seis campeonatos e 30 jogos por ano. É a única que tem uma programação educativa infantil, com conteúdos para os nossos jovens que estão se preparando para o ENEM (Exame Nacional do ensino Médio) e para quem quer acompanhar as festas populares da Bahia, pois, na próxima semana, faremos a cobertura da Lavagem do Bonfim, além de festas como o Carnaval e o Dois de Julho, entre outros eventos”.

A secretária de Educação de Itabuna, Nilmecy Gonçalves, falou da contribuição da emissora para a formação cidadã da população local. “A TVE é uma ferramenta fundamental para a Educação, tanto para professores como para os alunos. E a emissora, com a identidade cultural da Bahia e o sinal digital, é um marco para Itabuna. A emissora é um modelo de comunicação pública com programação para todos os públicos”, comentou.

Qualidade tecnológica – As novas estações estão atualizadas com o que há de mais moderno em termos de tecnologia. Esta é a oitava estação retransmissora inaugurada no interior da Bahia. A programação da TVE já pode ser sintonizada nas cidades de Feira Santana, Ipiaú, Ipirá, Guanambi, Juazeiro, Jequié e Ilhéus. O IRDEB é composto, além da TVE, pela rádio Educadora FM e faz parte da estrutura organizacional da Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC).

Agenda – Ainda no município, o secretário Jerônimo Rodrigues participou de uma reunião com o prefeito Fernando Gomes, a secretaria de Educação de Itabuna, Nilmecy Gonçalves e a diretoria do Núcleo Territorial de Educação de Itabuna (NTE), Josefina Castro. No encontro, foi discutido o local onde será construída a nova escola da rede estadual em Itabuna, já anunciada pelo governador Rui Costa.

Fotos: Pedro Augusto/Ascom PMI   

Estado abre inscrições para mais de 12 mil vagas de cursos técnicos de nível médio

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) abriu as inscrições, nesta segunda-feira (06), para o processo seletivo para 12.395 vagas de cursos técnicos de nível médio, na forma de articulação Subsequente ao Ensino Médio. As vagas são para os Centros Estaduais e Centros Territoriais de Educação Profissional, além de unidades compartilhadas, na capital e em mais 95 municípios da Bahia. As inscrições deverão ser feitas até o dia 16 de janeiro, exclusivamente, pelo Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br).

As vagas são para 45 cursos técnicos de nível médio e direcionadas para quem já concluiu o Ensino Médio e suas modalidades de forma gratuita, seja na rede pública de ensino, no âmbito federal, estadual ou municipal, ou tenha, comprovadamente, cursado em instituição filantrópica ou em instituição privada na condição de bolsista.

>> Ouça nosso podcast

Entre os cursos ofertados estão: Técnico em Administração, Técnico em Análises Clínicas, Técnica em Edificações. Técnico em Agropecuária, Técnico em Artes Visuais, Técnico em Instrumento Musical, Técnico em Informática, Técnico em Cozinha e Técnico em Segurança do Trabalho. A divulgação do resultado está prevista para o dia 17 de janeiro. A matrícula dos selecionados será no período de 28 a 30 de janeiro na unidade escolar para a qual foi classificado. O início do período letivo será no dia 10 de fevereiro.

Foto: Claudionor Jr. ASCOM/SEC

Colégio Estadual Félix Mendonça em Itabuna conquista Prêmio Escola Cidadã 2019

O Colégio Estadual Félix Mendonça, em Itabuna, no Litoral Sul da Bahia conquistou o primeiro lugar do Prêmio Escola Cidadã 2019, promovido pela Controladoria Geral da União (CGU). A iniciativa busca incentivar o debate sobre a importância de mobilizar no ambiente escolar temas voltados à ética, integridade, honestidade, cidadania e combate à corrupção. Neste ano, o tema foi “Faça o que é certo, ainda que ninguém veja!”, e contou com  a participação de 818.317 estudantes e 27.665 professores, de 4.049 escolas, em 1.192 municípios de todo o Brasil.

Para o projeto foram promovidos palestras e debates sobre ética, moral, integridade e honestidade, o que levou os estudantes a pensarem ações para serem executadas na comunidade. Foram realizadas visitas a albergues, abrigos e núcleos; doação de roupas; e manutenção de praças. Os estudantes também visitaram a Câmara Municipal para questionamentos sobre planejamento estratégico para a cidade e tiveram aula pública no lixão, com posterior distribuição de agasalhos e itens alimentícios. Ainda promoveram arrecadação e doações feitas pelos pais e empresários locais para doações. As ações possibilitaram o protagonismo juvenil despertando o espírito de liderança, planejamento e conscientização dos alunos.

A diretora do Félix, Rose Guerra, falou sobre a importância do projeto para a unidade escolar. “O projeto da CGU possibilita fomentarmos no ambiente escolar uma reflexão profunda em relação às ações que realizamos diariamente. Incluir o projeto no PPP da unidade escolar nos possibilita o resgate dos valores morais e éticos e sua efetiva prática pelos estudantes para que eles reflitam e atuem de forma coesa, tornando-se agentes de transformação do meio em que vivem pelas boas práticas de suas ações. Não há formação plena e cidadã senão houver conscientização e ação”, afirmou.

O estudante Iago Oliveira Alves, 16 anos, contou como o projeto contribuiu para sua formação. “Os projetos da Controladoria Geral da União são essenciais para o pensamento cidadão dos estudantes. Além de incentivar a leitura e a escrita, chamam atenção para temas recorrentes na atualidade, envolvendo a ética, a cidadania, a reflexão, e isso nos possibilita desenvolver ações eficazes em prol da sociedade. Mais do que conscientizar, o projeto desenvolve um papel extremamente importante na formação do caráter dos alunos, tornando-os críticos e ativos, buscando a solução dos problemas que os cercam”, ressaltou.

A professora de filosofia, Priscila Trindade, falou das possibilidades da inserção do projeto na proposta política pedagógica da escola. “Os projetos estimulam e desenvolvem o protagonismo estudantil, bem como as competências no campo conceitual, atitudinal e procedimental. Os alunos discutem, pesquisam, elaboram conceitos e têm oportunidade de concorrer nas modalidades do concurso. Sem dúvida, é uma grande oportunidade para a escola no desenvolvimento de uma educação integral e integrada na formação do estudante cidadão”, destacou.

– ASCOM

Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Tel: (71) 3115-9026 / 9025

www.educacao.ba.gov.br

Ações estratégicas para 2020 são discutidas durante encontro de dirigentes da Educação em Salvador

Os gestores dos 27 Núcleos Territoriais de Educação (NTE) discutiram, nesta sexta-feira (13), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador, ações estratégicas voltadas para o ano letivo de 2020. A atividade faz parte do planejamento, que está sendo realizado desde a última quarta-feira (11), durante o VII Encontro de Dirigentes da Educação.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, fez a abertura do último dia do encontro. “Estamos fechando este encontro com bastante animação, pois foi um momento muito produtivo de discussão e planejamento das ações voltadas para a melhoria da Educação em todo o Estado”, destacou.

O chefe de gabinete da SEC, Cézar Lisboa, abordou sobre a “Educação comprometida com a justiça social e a diretora do IAT, Cybele Amado, fez uma avaliação da formação continuada realizada e destacou as projeções para 2020. Já o coordenador Executivo de Projetos Estratégicos da SEC, Marcius Gomes, falou sobre a expansão da Educação Integral (2020-2022) e a importância da articulação estre a SEC e os núcleos para a ampla divulgação dos cursos Universidade Aberta do Brasil (UAB) para estudantes e comunidades onde estão localizados os polos.

Para a gestor do Núcleo Territorial de Valença (NTE 06), Francisco Nascimento, a contato direto entre os gestores é essencial. “Este encontro é muito importante, porque permite uma troca de experiências entre os núcleos, trazendo muito diálogo e novidades, para que a gente possa ter uma gestão mais compartilhada e democrática e, principalmente, porque a gente começa a planejar 2020, a partir de uma escuta entre a SEC e os NTE”, afirmou.

O gestor do Núcleo de Santo Antônio de Jesus (NTE 21), Hernane Mercês, avaliou o encontro como produtivo. “Este encontro retrata todo o trabalho que foi feito pela Secretaria da Educação incidido sobre os Núcleos Territoriais de Educação e que nos dá um apanhado de tudo que foi feito durante o ano letivo de 2019, para que a gente possa, nesse momento, dar continuidade ao que estamos fazendo diante do plano de governo educacional proposto para 2020”, disse.

Fotos: Claudionor Jr

Estudantes participam de Encontros Territoriais de Arte e Cultura em Itabuna, Teixeira de Freitas e Serrinha

Os estudantes da rede estadual de ensino de unidades escolares de diversos municípios do Estado estão participando da fase final dos Encontros Territoriais de Arte e Cultura realizados nos Núcleos Territoriais de Educação (NTE). Eles estão apresentando suas criações em diferentes linguagens, envolvendo música, canto coral, artes visuais, teatro, dança, cinema e poesia.

As produções estudantis forma desenvolvidas para os projetos de arte e cultura, a exemplo do Festival Anual da Canção Estudantil (FACE), Artes Visuais Estudantis (AVE), Dança Estudantil (DANCE), Tempos de Arte Literária (TAL) e outros, que revelam a criatividade, os sentimentos e as reflexões dos estudantes sobre o mundo.

Nesta terça-feira (10), foi a vez dos estudantes das escolas do Núcleo de Itabuna (NTE 05) se apresentarem no Teatro Municipal Candinha Dórea. A estudante Rute Santos Souza, 18, que faz o curso técnico em Agroindústria, no Centro Estadual de Educação Profissional do Chocolate Nelson Schaun (CEEP), localizado em Ilhéus, apresentou a sua música autoral “Quem sou eu”. “Fiquei muito lisonjeada em cantar a minha música para o público presente e que fala de valorização da vida”, disse, entusiasmada após se apresentar no palco.

Já no Núcleo de Teixeira de Freitas (NTE 07), a etapa territorial dos projetos artísticos e culturais foi iniciada nesta terça (10), com a apresentação dos projetos Artes Visuais Estudantis (AVE), Educação Patrimonial e Artística (EPA), Festival Estudantil de Teatro (FESTE), Encontro de Corais Estudantis (ENCANTE) e Dança Estudantil (DANCE). A programação segue até esta quarta (12), com apresentações dos demais projetos.

O estudante Felipe Santos, 17, 1º ano, do Colégio Estadual Eraldo Tinoco, localizado em Nova Viçosa, fez uma performance para o DANCE com a coreografia “Velho é o seu preconceito”. “Esta é minha estreia no encontro territorial, mas já me apresento há algum tempo em outros eventos culturais e, por conta disso, estou acostumado com o nervosismo, pois gosto muito de dançar e mostrar a minha arte”, revelou.

Em Serrinha (NTE 04), as apresentações dos projetos das escolas do território acontecem nesta quinta-feira (12), no Shopping Serrinha. Este ano, o evento homenageia a Tropicália. Os projetos em destaque são: FESTE, TAL, ENCANTE, DANCE, FACE e Produção de Vídeos Estudantil (PROVE).

Fotos: Divulgação

Veja mais fotos: https://flic.kr/s/aHsmJDXqQv

– ASCOM

Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Tel: (71) 3115-9026 / 9025

www.educacao.ba.gov.br

Inscrições para o Partiu Estágio com foco no Reforço Escolar seguem até o dia 9 de abril  

Foto: Geraldo Carvalho – Ascom/Educação

As inscrições para o programa Partiu Estágio seguem até o dia 9 de abril. O programa é uma iniciativa do Governo do Estado com o objetivo de proporcionar o estágio para os estudantes universitários de instituições com sede na Bahia e que ainda não conseguiram inserção no mercado de trabalho. Este ano, estão sendo ofertadas 4.390 vagas aos universitários dos cursos de Educação Física, Letras Vernáculas e Matemática, distribuídas em todo o Estado, com foco no reforço escolar para a rede estadual de ensino. A novidade para este edital é que poderão se inscrever alunos na modalidade Educação à Distância (EAD), desde que a instituição possua polo na Bahia.

Contemplada pelo programa, no ano passado, Flávia Araújo Santos, 21, estudante do último semestre de Direito, na Faculdade Maurício de Nassau, fala de sua experiência com o Partiu Estágio, por meio do qual estagia no setor de Corregedoria da Secretaria da Educação do Estado da Bahia. “Está sendo um aprendizado muito importante. Pena que o estágio já vai acabar em maio, depois de um ano de expansão de aprendizagens nas áreas de disciplina, ética e moral, que levarei para a minha vida profissional. Trabalho, aqui, com processos administrativos. Então, faço os relatórios, que são validados pelo expedidor que, em seguida, os encaminha para o corregedor. Ao longo desse tempo, ganhei mais confiança sobre as questões que envolvem a minha área e isto é fundamental para um advogado”, relata a universitária.
Como participar
Para participar do Partiu Estágio é necessário que o candidato tenha idade mínima de 16 anos e cumprido mais de 50% da graduação. Desde o lançamento do programa, em abril de 2017, mais de 6,5 mil universitários já foram contratados para atuar no serviço público baiano nas diferentes áreas, incluindo a Educação. O contrato de estágio tem duração de um ano, sem possibilidade de prorrogação, exceto para estudante com deficiência física. A carga horária é de quatro horas diárias de atividades supervisionadas, chegando a 20 horas semanais, distribuídas de acordo com a necessidade da administração pública. O estagiário tem direito a uma bolsa mensal de R$ 455, auxilio transporte e 30 dias de recesso remunerado, proporcionais.
O Partiu Estágio é prioritário para alunos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e para aqueles que tenham estudado todo o Ensino Médio em escola pública ou com bolsa integral na rede privada. Do percentual de vagas ofertadas em cada edital, 10% são direcionadas a pessoas com deficiência física, como é previsto pela Lei nº 11.788/2008. Quem já participou do Partiu Estágio durante o período de um ano não poderá se inscrever novamente, como previsto em edital. A lista completa das oportunidades de estágio na rede estadual estará disponível no sistema de inscrição do Partiu Estágio.
Sobre a inscrição
Os candidatos que estão participando pela primeira vez devem acessar o site do Partiu Estágio e criar uma conta, informando CPF, nome, data de nascimento e e-mail válido. O sistema enviará, automaticamente, para o e-mail cadastrado os dados para acesso a inscrição. De posse dos dados para acesso, o candidato deverá preencher os dados cadastrais no site de inscrição e, posteriormente, selecionar seu curso e o turno das aulas, além do município onde estuda ou reside. Caso já tenha se inscrito em editais anteriores, o candidato deve acessar a conta já existente e realizar o mesmo procedimento.
Documentação 
A documentação necessária para a inscrição é a seguinte: comprovante de residência; original e cópia da Carteira de Identidade; original e cópia do Cadastro de Pessoa Física (CPF); original e cópia de Carteira de Identidade do representante legal ou do Termo de Guarda expedida por autoridade judicial, se for o caso; declaração da Instituição de Ensino informando semestre letivo, duração do curso, percentual cursado, turno de estudo, curso de formação e sua modalidade presencial; comprovante de matrícula e frequência da Instituição de Ensino; declaração própria de que não exerce atividade remunerada em órgão público; original e cópia do Título de Eleitor, se for o caso; original e cópia do Certificado de Reservista, se for o caso; Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS); e comprovação de inscrição no CadÚnico, se for o caso.

Iniciada formação continuada de profissionais de educação

jornada pedagogica

Coordenadores pedagógicos, gestores e professores de unidades escolares estaduais presentes em Salvador participaram, na manhã desta terça-feira (2), da abertura do Encontro de Formação Continuada de Profissionais de Educação do Estado. Primeira de onze já agendadas em outros territórios, a reunião lotou o auditório principal do Instituto Anísio Teixeira (IAT).A iniciativa é promovida pela Secretaria da Educação do Estado, por meio do IAT. “Temos clareza que não se faz educação sem um forte processo de formação desses profissionais, que na nossa rede chegam a 30 mil colaboradores. Esta é a primeira fase de um processo contínuo de quatro anos de formação intensiva, visando que a aprendizagem, na Bahia, se dinamize. Vale lembrar que esse momento é destinado somente para a nossa rede, mas não abrimos mão de um alinhamento com a rede municipal”, destacou o titular da SEC, Jerônimo Rodrigues.A ação tem como objetivo principal melhorar a qualidade de aprendizado dos estudantes, elevando os indicadores educacionais. Para isso, está ocorrendo essa mobilização e sensibilização que terá como resultado a construção colaborativa do programa de formação continuada dos profissionais da educação.

Cleide Ressurreição é coordenadora pedagógica na Escola Estadual Professor Roberto Santos, em Castelo Branco, e tomou posse no início de 2019. “Considero esse momento muito importante, principalmente em casos como o de pessoas como eu, que estão chegando na rede agora. Precisamos nos aperfeiçoar e compreender como se dá o processo de educação dentro do Estado, contribuindo com professores e alunos”, acredita.

O encontro no IAT ainda acontece nesta quarta (3) e sexta-feira (5). As próximas reuniões serão realizadas nos dias 8 e 9 de abril, em Feira de Santana, e no dia 12 em Itabuna. A expectativa é que até o final de maio todas as reuniões, em regiões que abarcam todos os territórios de educação, tenham sido realizadas, gerando a unificação de objetivos entre os professores, coordenadores pedagógicos, gestores e com a equipe da SEC.